Sala de Imprensa e Mídia Blog da GLEIF

O nascimento do vLEI: uma nova aurora na identificação digital para entidades jurídicas no mundo todo

Stephan Wolf, CEO da GLEIF, analisa o rápido progresso feito pela GLEIF e seus parceiros para criar um serviço padronizado e independente para possibilitar que todas as entidades jurídicas do mundo confirmem suas identidades digitalmente


Autor: Stephan Wolf

  • Data: 2022-02-07
  • Visualizações:

Para negócios no mundo todo, a confiança na autenticidade digital está cada vez mais escassa. Você tem certeza de que o site do seu banco não é uma recriação elaborada de phishing? Aquela nota fiscal eletrônica foi mesmo enviada pelo seu parceiro de negócios? Como você pode saber?

À medida que os negócios cooperam e fazem transações remotas e entre fronteiras cada vez mais, os sistemas que utilizam para estabelecer a confiabilidade também precisam evoluir.

A GLEIF tem trabalhado para lidar com essas exigências diretamente ampliando o Global LEI System para que ele também incorpore um "LEI verificável" (vLEI), uma versão normatizada e digitalizada do LEI capaz de possibilitar confiabilidade automatizada instantânea para entidades jurídicas e seus representantes autorizados em relação a outras entidades jurídicas e seus representantes com os quais interagem.

Ansioso para obter mais detalhes sobre o vLEI? Leia gratuitamente o nosso eBook: "O vLEI: introdução à identidade digital para entidades jurídicas no mundo todo"

Para confiar no futuro, o mundo dos negócios precisa do LEI

Administrado pela GLEIF, o Global LEI System fornece, há anos, dados confiáveis e abertos que possibilitam a identificação inequívoca das entidades jurídicas em todo o mundo. Com mais de dois milhões de LEIs em uso no momento, a GLEIF está tomando medidas para aproveitar esse sucesso motivando a adoção voluntária do LEI entre as entidades jurídicas em todos os setores globalmente a fim de estabelecer o LEI como o sistema legítimo mundial de identidade organizacional.

O objetivo principal é ajudar as entidades jurídicas a participar de forma eficiente na economia digital do mundo. Mas há um mundo perigoso lá fora e as coisas se movem com rapidez. Estima-se que apenas em 2021, o crime cibernético custou à economia global US$ 6 trilhões. Novos modelos de negócios e processos automatizados recentemente surgem o tempo todo, impulsionados por uma miríade de avanços tecnológicos, de APIs e blockchain à internet das coisas.

Nesse cenário, é fácil ver por que a confiança digital entre entidades jurídicas é escassa. E ela é precisamente aquilo de que precisamos: quando as entidades jurídicas engajam digitalmente com seus clientes, parceiros e fornecedores, precisam estar aptas a confiar que essas organizações são, na verdade, quem dizem ser.

Por isso, a criação da confiança digital é o ponto central do trabalho atual da GLEIF. Acreditamos que cada Entidade Jurídica global deve ter apenas uma identidade global, capaz de auxiliar sua participação na economia digital. Somente então poderemos todos trabalhar juntos de maneira a liberar o potencial verdadeiro da digitalização: possibilitando que a inovação e a colaboração prosperem ilimitadamente em cada local geográfico, e que o dinheiro, os bens e os serviços fluam com segurança e com mais rapidez no mundo, mais eficientemente e a um custo mais baixo do que nunca.

Um novo ecossistema de confiabilidade digital para entidades jurídicas em todo o mundo

A GLEIF está trabalhando para estender o Global LEI System a fim de lidar com esse requisito diretamente. Nosso trabalho começou com o engajamento de sistemas existentes que possibilitam a confiabilidade digital normatizando, por exemplo, a forma que o código LEI de uma Entidade Jurídica LEI pode ser incluído em certificados digitais.

Paralelamente, também buscamos tecnologias de próxima geração que poderiam ser desenvolvidas para criar um novo sistema.

No início de 2020, a ideia de criar uma versão digitalmente verificável do LEI, o vLEI, nasceu. Seu conceito era simples: possibilitar que uma Entidade Jurídica aproveite seu LEI para estabelecer confiabilidade digital e instantânea com outras organizações e seus representantes.

Mover-se com rapidez e criar coisas

Em dezembro de 2020, uma série de iniciativas de pesquisa confirmaram a demanda dos setores farmacêutico, de saúde, de telecomunicações de serviços financeiros e automotivo e solicitaram que a GLEIF lançasse um programa de desenvolvimento internacional para todos os setores. O objetivo do programa era criar uma estrutura de governança de credenciais e de ecossistema, juntamente com uma infraestrutura de suporte técnico para o vLEI.

Três meses mais tarde, em fevereiro de 2021, a GLEIF revelou seus modelos para o processo de emissão e infraestrutura técnica do vLEI, descrevendo como o código LEI de uma Entidade Jurídica seria incorporado nas credenciais verificáveis e emitidos para entidades jurídicas pela GLEIF por meio de uma rede de emissores de vLEIs qualificados. A infraestrutura estabelece a GLEIF como a "raiz de confiança" digital que protege a integridade da cadeia de confiança do vLEI. Isso significa que todos os vLEIs são rastreáveis por meio de uma cadeia de credenciais protegida criptograficamente até seus registros de LEI de origem no Global LEI Index.

A GLEIF também reconheceu que a adoção universal pelas entidades jurídicas é necessária para que o sistema do vLEI seja interoperável sem problemas e com segurança em todos os modelos de tecnologias, incluindo blockchain, serviços em nuvem e APIs. Para alcançar isso, a GLEIF adotou uma abordagem de "rede de redes", possibilitada pelo protocolo KERI (Key Event Receipt Infrastructure, Infraestrutura de recebimento de eventos-chave).

Com o uso do KERI, os vLEIs podem ser criados e utilizados independentemente por qualquer organização específica, com os níveis mais altos de segurança, privacidade e facilidade de uso. O protocolo KERI também possibilita que a GLEIF e o ecossistema de confiança do vLEI operem em uma estrutura de governança da GLEIF, desonerada pela governança de sistemas externos, incluindo consórcios de blockchain e de ledger distribuído.

Quer saber mais sobre KERI? Assista ao nosso vídeo explicativo a seguir.

Teremos um ano movimentado: software, governança, normatização e experimentações em campo

2022 já está em andamento com a atividade do vLEI.

Em fevereiro, a GLEIF terá publicado a estrutura de governança do ecossistema de vLEI, em total acordo com as normas e recomendações da Trust Over IP Foundation (hospedada pela Linux Foundation). A estrutura, que foi projetada do zero para complementar a governança de LEI existente da GLEIF, define o modelo operacional de vLEI e descreve como a gama de partes interessadas emissoras de vLEI do novo ecossistema será elegível e como desempenhará sua função no Global LEI System. Ela fornece os detalhes essenciais sobre as estruturas e processos de governança que moldarão o desenvolvimento do ecossistema de vLEI juntamente com os serviços que a GLEIF fornecerá.

Também em 2022, após um ano em desenvolvimento e testes sandbox, o software beta de código aberto do vLEI será utilizado em campo em uma variedade de aplicações. O software fornecerá recursos para dar suporte à emissão, apresentação e revogação das credenciais verificáveis do vLEI, além de fornecer gerenciamento de chave segura por meio do protocolo KERI.

E por último, o trabalho de normatização da GLEIF com o Comitê ISO/TC 68/SC 8 também está se aproximando da conclusão, com uma norma internacional (ISO 5009) para definir as funções organizacionais oficiais nos dados de referência dos serviços financeiros atualmente "em publicação". Após o lançamento, a norma ISO 5009 possibilitará a uniformidade global da listagem de funções organizacionais oficiais em uma maneira estruturada para que elas possam ser especificadas por uma entidade jurídica e incorporadas nas respectivas credenciais de funções organizacionais oficiais do vLEI. Da mesma forma, a norma também possibilitará que as funções organizacionais sejam usadas como referência de maneira uniforme e integradas em outros ativos digitais que aproveitam o LEI, como os certificados digitais, agora e no futuro.

Um futuro brilhante

O vLEI tem o potencial de se tornar uma das credenciais digitais mais valiosas no mundo; ele foi criado para se tornar o selo de autenticidade para qualquer entidade jurídica, em qualquer lugar. Essa nova família de credenciais digitais pode servir como uma cadeia de confiança para qualquer um que precisar verificar a identidade jurídica de uma organização ou de uma pessoa atuando legalmente em nome dessa organização. É uma mudança no jogo da identidade organizacional digital e representará uma transformação profunda na confiabilidade digital que beneficiará cada país, empresa e, finalmente, os cidadãos do mundo.

Caso queira comentar uma postagem no blog, identifique-se usando seu nome e sobrenome. Seu nome aparecerá ao lado de seu comentário. Endereços de e-mail não serão publicados. Note que ao acessar ou contribuir com o fórum de discussão, você concorda com os termos da Política de Uso do Blog da GLEIF, portanto, leia-a com atenção.



Ler todas as postagens anteriores do Blog da GLEIF >
Sobre o autor:

Stephan Wolf é o CEO da Global Legal Entity Identifier Foundation (GLEIF). Entre janeiro de 2017 e junho de 2020, Wolf foi cocoordenador do International Organization for Standardization Technical Committee 68 FinTech Technical Advisory Group (ISO TC 68 FinTech TAG). Em janeiro de 2017, Wolf foi considerado um dos 100 Maiores Líderes em Identidade pela One World Identity. Ele tem uma vasta experiência em estabelecer operações de dados e estratégia de implementação global. Liderou o avanço das principais estratégias de negócios e desenvolvimento de produtos ao longo de sua carreira. Wolf foi cofundador da empresa IS Innovative Software GmbH, em 1989, sendo seu primeiro administrador executivo. Posteriormente, foi nomeado porta-voz do conselho executivo de sua sucessora, a IS.Teledata AG. Esta empresa se tornou parte da Interactive Data Corporation onde o Sr. Wolf era Diretor de Tecnologia. Wolf é formado em Administração de Empresas pela Universidade J. W. Goethe, localizada em Frankfurt am Main.


Tags para este artigo:
Global Legal Entity Identifier Foundation (GLEIF), Identidade Digital, Global LEI System, LEI verificável (vLEI), Governança, Caso de negócios de LEI, Notícias do LEI